sexta-feira, 7 de agosto de 2009

It's war parte 2: Rápido update!


Como alguns executivos da televisão brasileira são vingativos! Como eu já disse aqui certa vez, a guerra entre Record e SBT, começou quando Gugu aceitou a "pequena" proposta da Record para sair da Anhaguera e ir dar expediente na Barra Funda. Depois disso, Senor Abravanel contratou meio mundo de profissionais da emissora do bispo. Entre os que foram estão Eliana, Roberto Justus e Thiago Santiago (impossível evitar o eco com um nome desses...). Mas isso foi lá no primeiro round.

A segunda parte da peleja começou mesmo com a ida de Roberto Cabrini, ex-Repórter Record e com contrato até 2012, para a emissora do dono do Baú. Se a saída de Gugu foi a gota d'água para o SBT, a de Cabrini foi a gota que faltava para o copo de paciência da Record transbordar. Desde a saída da primeira parte de seu casting, a emissora do bispo já vinha sondando alguns funcionários da Anhanguera (gente "muito influente", como o advogado do Sbt...), mas agora a coisa se descontrolou de vez.

De acordo com os rumores que andam circulando por aí, a Record já contatou (e não "contRatou") Carlos Alberto de Nóbrega, Ratinho e Hebe, que, ainda de acordo com os boatos, já está com um pé na Barra Funda! SS e sua equipe (leia-se Daniela Beyruti) ainda não se manifestaram a respeito disso, então, não se sabe o quão real essa notícia é! Uma coisa que pode facilitar a ida deles pra Rec.: Nóbrega e Hebe tiveram seus salários reduzidos (Eliana, que chegou agora, já ganha mais que a própria Hebe) e o Ratinho passou uma looooonga temporada na geladeira do tio Sílvio.

Do outro lado do front, além de Cabrini, o SBT tentou levar também Tom Cavalcante, que já tratou de desmentir a informação, dizendo que não passa de um "boato". Ah, também foi para a Anhaguera a Camila Dias Gomes, neta de Janete Clair e colaboradora em algumas novelas na Record, como "Os Mutantes".

Mas como não existem artistas a contratar somente no Sbt, a Record já andou contratando outras figurinhas como a modelo/atriz/apresentadora Giane Albertoni (que vai ficar no lugar de Ana Hickman, pois esta vai se dedicar integralmente ao "Tudo é Possível"), Amanda Françoso (muito conhecida... só sei que é apresentadora) e já assinou pré-contrato com Marcos Mion, que vai apresentar um programa "jovem" a partir do ano que vem, quando acaba seu contrato com a MTV Brasil. Além disso, pra cobrir a saída de Thiago Santiago (eco...), Carlos Lombardi e Antônio Calmon, ambos autores da Globo (Calmon, diga-se de passagem, está marcado como o autor de dois fracassos seguidos na emissora global...) também já foram sondados.

Pra fechar o pacote, e mostrar que não está pra brincadeira, a Record resolveu entrar na briga para comprar os direitos de "Dragon's Den", um programa em que pessoas apresentam projetos para uma banca julgadora formada por empresários bem-sucedidos... igualzinho ao "Aprendiz: o sócio"! Detalhe: por alguma razão (Roberto Justus?), o Sbt também quer licenciar o formato do programa. Ainda não houve uma resolução por parte da dona do formato.E, antes que eu esqueça, Globo e Record estão na briga para comprar os direitos da Olimpíada de 2016, que muito provavelmente vai se realizar aqui no Brasil (Maceió fica no Brasil? Já nos deixaram de fora da Copa...).

Essa é a famosa "briga de cahorro grande"!! Voltemos agora à programação normal...

2 comentários:

Ludmila disse...

Derek, você com certeza fez bem NÃO fazendo informática. Seu texto é fantástico :DD estou orgulhosa!

:*

dEREK disse...

=)
=)
Obrigado!!!!
Mas o seu texto tbm é ótimo!!